Abel Dorantes / Project Manager Science and Innovation, Mexico

Qual foi a coisa mais importante que você aprendeu trabalhando no British Council?

Aprendi muitas coisas no British Council. Depois de ter trabalhado alguns anos em instituições privadas, aqui tive a oportunidade de entender e me comprometer com a importância que o impacto dos nossos programas tem nas sociedades dos países onde trabalhamos. Nos diferentes projetos que participei, existe sempre a disposição em aprender sobre as boas práticas dos outros países. Além disso, meus colegas desta e das demais regiões estão sempre muito interessados no que está acontecendo no México.

Qual habilidade você desenvolveu ou aprendeu trabalhando aqui?

Eu também aprendi a desenvolver redes de contato não só nas comunidades com as quais trabalho (no México), mas também com outras redes a nível global. É surpreendente como na diversidade de ambientes há sempre pontos em comum que nos convidam a trabalhar em equipe, propiciando um intercâmbio de ideias e o desenvolvimento dos nossos pontos fortes como profissionais e como pessoas.

Como você descreveria as pessoas com quem trabalha?

Antes de mais nada, são pessoas acostumadas a vencer desafios em grupo, pessoas apaixonadas pelo que fazem, e que valorizam a diversidade. No British Council tem muita gente criativa e em harmonia com seus ideais. Muitos dos meus colegas são também meus amigos, e coincidimos nas atividades sociais e esportivas fora do escritório.

Que outra área ou unidade de negócio você gostaria de explorar dentro da organização?

No mês de março eu tive a oportunidade de ver de perto o trabalho das minhas colegas da área de Sociedade, especificamente do programa “Active Citizens”. Fiquei surpreso com o grande trabalho que o British Council está fazendo para fortalecer a sociedade civil a nível global. É claro que eu gostaria de aprender ainda mais sobre como os programas de sociedade como um todo respondem às necessidades de se criar oportunidades e gerar mudanças. Eu acredito que existam muitas possibilidades de se vincular o trabalho de Ciência e Inovação ao de Sociedade.

O que acha que o British Council poderia/deveria fazer mais?

Uma boa maneira de seguir promovendo as relações amistosas entre o Reino Unido e os países seria facilitar ainda mais o intercâmbio global não só de experiências, mas de pessoas entre os diversos escritórios. Essa seria uma boa forma de continuar agregando valor ao nosso trabalho, e melhorar o impacto dos nossos programas.

O que gostaria de dizer a qualquer pessoa que esteja interessada em trabalhar no British Council?

Esta é uma organização que promove a criatividade na busca por soluções de problemas que o mundo enfrenta atualmente, priorizando as relações de amizade entre os países, com programas de impacto sistêmico e duradouro. Nosso trabalho com as pessoas é inspirador e é uma fonte de motivação para nós que trabalhamos para o British Council.