Dica 8

Precisa de novos recursos visuais para dar uma cara nova às suas aulas virtuais?

Este artigo apresenta um panorama geral dos conteúdos que podem ajudar a desenvolver e executar dinâmicas que fluam melhor com seus alunos.

Clique nos "+" para expandir e ver as dicas por completo.

Crie seu próprio conteúdo audiovisual para suas aulas

Começando

  • Selecione o que deseja ensinar e divida em partes menores. Se você está começando um novo tópico, pode usar uma abordagem de ‘sala de aula invertida’. Isso significa que você ensina conceitos-chave compartilhando informações com os alunos para que os revisem por conta própria, por exemplo, criando um pequeno arquivo de áudio ou vídeo. Em seguida, você usa uma aula ou chat on-line ao vivo (por exemplo, via SMS, WhatsApp ou Facebook) para discutir o que eles aprenderam e responder a perguntas, em vez de usar esse tempo para apresentar as informações pela primeira vez.
  • Experimente diferentes maneiras de compartilhar conteúdo audiovisual para ensinar novos conceitos ou linguagem e revisar o conteúdo antigo. Existem três tipos principais: áudio, vídeo (pode ser com ou sem áudio) e vídeos screencast, onde você sua grava a tela enquanto navega por um site ou por um documento, por exemplo.
  • Pense na melhor maneira de apresentar o conteúdo específico que deseja compartilhar. Por exemplo, se você está demonstrando um novo conceito, pode usar um vídeo screencast; se os alunos precisarem ler um poema, você pode criar um arquivo de áudio e fazer com que eles o escutem; se precisar usar um quadro para explicar um conceito, um vídeo instrutivo é uma boa opção.
  • Mantenha curto e simples. É sempre tentador usar tecnologia sofisticada, mas isso leva tempo e vai cansar você rapidamente. Lembre-se de que você compartilhará esses arquivos, então eles precisam ser "leves" (poucos dados) para que sejam mais fáceis de baixar em todos os tipos de conexão com a internet.

Criação de conteúdo eficaz - dicas para qualidade técnica

  • Considere o equipamento necessário. A maioria dos bons conteúdos pode ser feita usando um smartphone ou laptop, mas é uma boa ideia usar um microfone externo para conteúdo de áudio e vídeo, pois ajuda com clareza do áudio e bloqueia ruídos de fundo.
  • Onde você grava é muito importante. Encontre um lugar tranquilo, longe do barulho da rua e do trânsito. Muitas vezes é surpreendente o quão alto pode ser lá fora!
  • Tenha um roteiro ou marcadores dos tópicos do que você deseja compartilhar. Hesitações e pausas podem distrair, e é uma boa ideia ter um texto suave, sem repetições desnecessárias e marcas geralmente associadas à fala. Não fale muito rápido!
  • Se estiver gravando um vídeo, encontre uma maneira de garantir que a câmera esteja firme. É melhor não segurar ela manualmente, pois isso pode causar vídeos trêmulos, que distraem os alunos.
  • E, finalmente, se você estiver gravando um vídeo, certifique-se de que a iluminação seja boa e o mais clara possível. Evite ter luz atrás de você. Olhe diretamente para a câmera enquanto fala.

Criação de conteúdo eficaz - dicas para qualidade acadêmica

  • Ensine uma coisa de cada vez. Evite sobrecarregar o conteúdo que você cria com muitas informações.
  • Tenha metas e objetivos claros. Isso ajudará seu conteúdo a se manter focado e no caminho certo.
  • Tenha um roteiro pronto e pratique-o algumas vezes antes de gravar. Se possível, compartilhe com um colega e peça que ele dê feedback.
  • Mantenha o tom informal e pessoal. Seus alunos precisam sentir que você está falando com eles, e isso os ajudará a ouvir e a se manter engajados.
  • Dê aos alunos algo para fazer como resultado de ouvir/assistir seu conteúdo. Tenha uma tarefa de acompanhamento pronta para garantir que o conteúdo seja refletido e o aprendizado ocorra.

Ferramentas para criação de conteúdo

  • Voice recorder: disponível na maioria dos smartphones ou como um aplicativo gratuito, os arquivos de áudio podem ser criados com facilidade e rapidez. Você também pode editar clipes de áudio para garantir que o arquivo final esteja como você gostaria.
  • Google screencast: O Google Screencast pode ser baixado gratuitamente. Ele ajuda a gravar vídeos instrutivos que mostram sua tela. Quer você adicione áudio ou tenha um vídeo silencioso, esta ferramenta é excelente para conteúdo de um tópico específico.
  • YouTube: Os recursos do estúdio de criação do YouTube ajudarão seus vídeos a parecerem mais profissionais. Você também pode usar o recurso de legenda para garantir que atenderá a todas as necessidades de aprendizagem. Certifique-se de verificar se há erros de digitação nas legendas.
  • OneNote: Talvez a ferramenta mais acessível, este aplicativo gratuito integra escrita, áudio e vídeo em um único espaço amigável. Você também pode compartilhar notas com seus alunos e colegas, adicionando assim um recurso adicional de colaboração.
  • Explain Everything: com modelos prontos para vídeos instrutivos, este site é fácil de usar e ajuda seus vídeos a parecerem profissionais e envolventes.

Coisas para se ter em mente

  • Proteção infantil: se você está pedindo a seus alunos que enviem vídeos, tome todas as precauções necessárias para proteger a privacidade deles. Encontre mais informações abaixo.
  • Distribua seus materiais: não sobrecarregue os alunos com muito conteúdo com muita frequência.
  • Peça feedback: é uma boa ideia aprender com seus alunos. Como são eles que ‘consomem’ o conteúdo que você cria, levar o feedback deles em consideração é muito importante e tornará seu ensino mais eficaz.

Fique por dentro

Gostou de receber essas dicas? Fique por dentro de todas as novidades de New Ways of Teaching assinando nossa newsletter.

External links